Defesa das empresas públicas terá seminários por setores

Matéria DIAP

Integrantes da comissão organizadora do Comitê Nacional em Defesa das Empresas Públicas reunidos em Brasília, na última sexta-feira (22), deram início ao encaminhamento das propostas aprovadas durante seminário do comitê, ocorrido em 6 de fevereiro. Entre essas está a organização de 5 grandes seminários temáticos até agosto.

cndep logo

“Vamos promover a discussão por setores e, ao mesmo tempo, destacar essa nova etapa da campanha a cada atividade, reforçando a defesa das empresas públicas e de seus trabalhadores”, explica a coordenadora do comitê, Rita Serrano.

As áreas previstas são o sistema financeiro público (agendado para o mês de abril, em Brasília); a comunicação pública, petróleo e gás e tecnologia agrícola. A discussão do setor energético também vai resultar em seminário que já está sendo organizado pelo Sindicato dos Urbanitários (Stiu-DF).

Comunicação
Outros encaminhamentos da comissão destacaram a pesquisa de opinião sobre privatização com os parlamentares no Congresso Nacional, que será realizada pelo DIAP. E também vai ser lançada publicação com os mitos e verdades que cercam as empresas públicas, como forma de esclarecer trabalhadores, parlamentares e sociedade em geral.

Ainda no âmbito do Congresso Nacional, a comissão também deu início às iniciativas para articulação de uma Frente Nacional em Defesa das Empresas Públicas. O próximo encontro do grupo vai ser no dia 14 de março, em Brasília, em local a ser definido. Os integrantes da comissão devem encaminhar seus e-mails para cadastramento num sistema de videoconferência que deverá ser inaugurado nesta data.

“Estamos priorizando a informação e comunicação com trabalhadores, empregados e sociedade e ampliando nossos dados sobre os setores que poderão ser atingidos pela privatização. Ao mesmo tempo, reforça-se a criação ou reativação dos comitês pelo País. Nossa organização cresce e o ritmo precisa ser rápido, porque as ameaças também são crescentes a cada dia”, aponta Rita Serrano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *